Total de visualizações de página

Seguidores

sábado, 7 de fevereiro de 2009

"A Bout de Souffle"

Acossado (A bout de souffle, 1959), primeiro filme de Jean-Luc Godard (e provavelmente a sua obra-prima), detonou a Nouvelle Vague, que, neste 2009, está a completar 50 anos de existência. É uma obra essencial para a evolução da linguagem cinematográfica, um filme divisor-de-água. Jean-Paul Belmondo, como o anti-herói Michel Poiccard, inagura, com sueuambivalente personagem, a estética do feio-bonito, e Jean Seberg é um capítulo à parte na generosidade de sua beleza e de seu jeito de ser. Vamos ver quatro minutos da sequência na qual os dois conversam num pequeno quarto de hotel. Uma pequena obra-prima dentro de outra obra-prima, que é A bout de souffle.


3 comentários:

Pedrita disse...

chegou a passar no telecine, mas não vi. beijos, pedrita

Jonga Olivieri disse...

Considero um dos melhores filmes de Godard.
E, como bem falaste, tem a presença feio-charmosa de um Belmondo e da beleza de Jean Seberg.

Spitz disse...

um clássico da Nouvelle Vauge, sem dúvida a maior referência!